RCC FÓRUM: Seja bem-vindo ao fórum!
Canal Oficial da RCC no Whatsapp!
RevoTech: Startup de Tecnologia - Empresa da Comunidade
ANUNCIE AQUI: Exponha sua marca para milhares de acessos
Revo Viagens: Ofertas imperdíveis te esperam!
HABBOREVO: Venha fazer parte do maior fã site policial do Habbo Hotel.
RCC DISCORD: Junte-se ao nosso canal no Discord!
RCC Cast: Ouça o nosso podcast, no Youtube ou no Spotify.
PMJ: TENHA O AUXÍLIO QUE VOCÊ PRECISA!

LuiizinBR_
LuiizinBR_
Administrador

RCCoins : 200
Mensagens : 1841
Patente : Comandante
Emblemas : Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 IT693Sou um militar da PMRCC
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Br52810Tirei o título de eleitor e tornei o Brasil mais democrático!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ARM25Acampamento Militar - 2023
Qui maio 25, 2023 7:35 pm
SETOR JUDICIÁRIO
CORREGEDORIA

Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Kisspn10


I. DA ANÁLISE

1. A sindicância inicia-se expondo a negligência na notificação de promoção na Companhia, negligência essa cometida pela militar Br e corroborada pela militar Vacita que deixou por passar impune tal situação, como confirmado pela própria defesa tal negligência.

Vacita escreveu:Com relação ao fato de que não puni a militar Br pelo não envio da Mensagem Privada, já que era/é Líder do DC, não há o que se discordar. Como demonstrado, informei que iria analisar e punir, porém, pelas demais atribuições que possuo, acabei esquecendo dessa providência. Sendo assim, não me oponho à punição pela falha em aplicação de punição, contudo, solicito que a pena aplicada seja dada seguindo a gravidade mínima do caso, recomendando a advertência verbal. Em casos recentes desta Corregedoria, situações mais gravosas foram repreendidas com advertência escrita por essa falha, logo, entendo que situações menos gravosas merecem a diminuição da pena a ser aplicada.

2. Considero básico manter a listagem na Consulta de Eficiência atualizada na mesma medida que a listagem que se encontra no subfórum da companhia, deixar o tópico desatualizado é algo que denota uma desorganização.

3. Fazenda referência às alegações sobre os subgrupos, iniciando por:

Acusação escreveu:Departamento de Repressão a Infrações: não atualizar/adaptar normativa referente à obrigatoriedade de manter 50% das vagas preenchidas, seguindo o baixo fluxo de membros da companhia.

Apesar da existência da normativa, o fluxo de policiais na Companhia apresentou uma baixa, entretanto, foi-se mantido um número razoável de militares no subgrupo, haja vista as alterações que estavam ocorrendo na estruturação interna, vide remoção do cargo de Monitor, como apontado na defesa do vice-líder iam_jrvieira. Não considero passível de enquadrar tal situação como uma possível negligência por parte deste.

Acusação escreveu:Departamento de Comunicação: 13 projetos aguardando análise e/ou atualização desde o dia 17 de Abril, escala de funções desatualizada, negligência do setor de fiscalização ao não acompanhar o cumprimento das funções, negligência do setor de divulgação ao enviar somente uma das duas mensagens privadas referentes à reunião geral.

Inicialmente, cito um trecho da defesa da vice-líder Br:

Br escreveu:Sobre o referido aos projetos, serão todos analisados o mais breve possível.

A partir dessa mensagem ela já denota a negligência por ela cometida na avaliação dos projetos enviados ao Departamento. Ademais, apesar de outros projetos terem sido analisados e aprovados através de conversas de whatsapp e terem sido implementados, considero que há a necessidade de transparência para os membros do subgrupo e tal transparência não ocorreu, assim, a liderança acabou por negligenciar novamente em suas atribuições.

4. Inicialmente, afirmo que estou de acordo com a existência da negligência da líder Vacita na não punição da militar Br. Ademais, apesar de entender que a militar Vacita busca por conceder autonomia às lideranças do subgrupo, não cabe a ela agir somente como última instância da companhia, mas cabe a ela também agir como fiscalizadora das atividades dessas lideranças, tal papel que foi negligenciado por este, como abordado em sua própria defesa.

Vacita escreveu:Como dito inicialmente, essa parte cabe tão somente aos vice-líderes. Apenas cumpro informar que permito a autonomia dos grupos internos. Se acertarem, serão pelos próprios méritos, se errarem, serão pelas próprias negligências. Não fico e nunca irei ficar em cima deles. Os grupos precisam ter independência, contudo, quando a liderança destes falhar, estarei sempre disponível como última instância na companhia, como já informei e já fiz.

Não cabe a ela agir somente quando recorrem a ela, cabe a ela intervir quando vê alguma ação incorreta ou que não condiz com um padrão aceitável de liderança.

Quanto ao baixo relacionamento com seus membros, apesar de concordar que a liderança deva se manter ativa, não vejo motivos para apresentar punitivas sobre. Outrossim, relacionado a situação ocorrida com o ministro JonSnow447, a defesa apresentou em suas evidências que o ministro não fez o pedido em privado, apenas no grupo e não vejo como negligência acabar por deixar de ler uma mensagem, entre diversas, que é enviada em grupos de whatsapp.

5. Relacionado às negligência dos vice-líderes Br e iam_jrvieira, tais situações já foram expostas e analisadas anteriormente, entretanto, neste tópico ressalto o relacionamento estabelecido por estes dois membros para com seus membros. É notória a forma desrespeitosa que o iam_jrvieira trata seus subalternos na companhia, podendo melhorar imensuravelmente essa forma de lidar, de todo modo, tal situação ocorreu enquanto ele estava de licença de serviço, então considero que não ocorreu negligência enquanto a não realização de um serviço com planilha, tendo outros integrantes na liderança que poderiam ceder o acesso de todo modo, não sendo necessário conhecimento avançado sobre tais ferramentas. Ademais, quando aborda-se sobre a Br, é notório seu despreparo de um modo geral, mas acredito que seja necessário uma lapidação com ela e orientação, caso o objetivo dela seja realmente se manter na vice-liderança da Companhia, ela precisa começar a demonstrar mais preparo.

6. Sobre a insatisfação dos membros, considero que a liderança necessite levar tal ponto mais a sério, apesar de serem poucos policiais expostos nas tratativas de acusação, tal situação pode não ter sido exposta, mas pode estar ocorrendo, é necessário que a liderança crie um vínculo com seus membros, sendo mais presente, comunicativa, além de estimular a participação dos membros em todos os âmbitos da companhia, é ridículo a situação que ocorreu no grupo principal da companhia onde corroboram a fala da militar Safira.rit de que enviar projetos pequenos é algo ruim.

II. DO VEREDITO

Diante do exposto na análise, defiro parcialmente o recurso, postulando as seguintes decisões:

a) A líder Vacita deverá receber uma advertência escrita pelo crime de Abandono de Dever/Negligência, inciso I e inciso II devido a sua negligência na atuação e correção das ações errôneas tomadas pela liderança do Departamento de Comunicação e pela ausência de punitivas a militar Br pela infração por ela cometida;
b) A vice-líder Br deverá ser punida com 50 medalhas efetivas negativas pelo crime de Abandono de Dever/Negligência devido a não notificação das promoções em tempo hábil;
c) A vice-líder Br deverá ser punida com uma advertência escrita pelo crime de Abandono de Dever/Negligência, inciso III devido às diversas negligências cometidas enquanto gestora do Departamento de Comunicação da EFE;
d) Recomendo a remoção da vice-líder Br da gestão do Departamento de Comunicação da EFE, devido a notória incapacidade de gestão adequada;
e) Recomendo a advertência verbal do vice-líder iam_jrviveira acerca de seu comportamento para com os membros da Companhia, cabendo a liderança aplicar sanções administrativas em ocorrência de reincidência de problemáticas;
f) Recomendo que a listagem da Consulta de Eficiência seja atualizada juntamente a listagem presente no subfórum da Companhia, não deixando por atualizar em datas aleatórias semanalmente;

Atenciosamente,
Corregedor LuiizinBR_


Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Avatarimage?user=LuiizinBR_&action=std&direction=2&head_direction=3&gesture=sml&size=b
Atenciosamente, Comandante-Geral LuiizinBR_
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Hihi1111
Vice-Líder dos Instrutores de Treinamento
Membro da Corregedoria
Administrador do Fórum
Comandante da Repartição de Ações Interventivas e Ostensivas
Vice-Líder da Ordem Militar
Vice-Líder do Centro de Elitização Militar
Ministro da Equipe do Corpo de Oficiais Generais
raphaelle11.
raphaelle11.
Administrador

RCCoins : 200
Mensagens : 5731
Idade : 49
Emblemas : Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 IT693Sou um militar da PMRCC
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 FR949Eu sou Potterhead! #Grifinória
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 NL219Eu fiquei no BETA! #RCC2021
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 BRA19 "Dia da Mulher revolucionária #2021!"
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 NfayQbK Vencedores da Copa das Companhias! #TudoVerde #2021
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 2d6f9d10Outubro Rosa - Coloquei uma medalha rosa!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Pt20910Ganhei o RCC Awards 2021 - [Melhor SUP]
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ITB56Asas da escuridão
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 XqEtZ70Jingle Bells, Jingle Bells! Tirei uma foto no trenó do noel!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ARM25Acampamento Militar - 2023
Qui maio 25, 2023 8:37 pm
Veredito: De acordo com o relator.


Atentamente,
Comandante-Geral raphaelle11. l [R11]
-Kevinho1Habbo-
-Kevinho1Habbo-
Lendário

RCCoins : 200
Mensagens : 4024
Cargo : Chanceler
Idade : 24
Emblemas : Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 IT693Sou um militar da PMRCC
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 FR950Eu sou Potterhead! #Corvinal
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 HU022Eu sei tudo quando se trata de Harry Potter! #HP2021
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 7wz7dV3 KiHabbo e RCC - Emblema de Parceria! Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 IT516Mãe, obrigado por tudo! #DiaDasMães2021
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 PT759Participantes Par Caipira
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 US149Dia do Escritor!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 FRA85"[DC] Dia Nacional do Teatro - Ser ou não ser?"
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ES10IDia da Primavera - A época mais florida!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Zucone10Setembro Amarelo - Coloquei a medalha amarela!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ITB55É Halloween - Vesti uma fantasia assustadora!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 2d6f9d10Outubro Rosa - Coloquei uma medalha rosa!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 BR015Vamos mostrar cultura! - Fiz a resenha de um filme!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 F7169933-2820-11eb-9e24-57c47b0eaffaNovembro azul - Coloquei a medalhinha azul!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 DE756Dia do Músico - Recomendei uma música emocionante!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 1485583511É ANO NOVO! Já enviei meu presente!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 PT805Aniversário da RCC - Enviei minha memória
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ES953HO HO NATAL CHEGOU! Fiz seu pedido ao bom velhinho!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Brb8410Cápsula do Tempo - 2022/2023
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Es99210Valentine's Day - Mandei uma cantada para o/a crush!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ITA67Eu fui, eu tava! Aniversário do Supremo Mine315-BAN!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Pt20910Ganhei o RCC Awards 2021 - [Melhor PROF/Melhor CE]
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Zucone10Setembro Amarelo!Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 BR695Valentine's Day - Mandei uma cartinha para meu amor!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 ALP19Postei uma foto de Páscoa! - Páscoa 2023
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 PT558Conquistei minha Carteirinha Nerd 2023!Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 Emblem14Meu certificado vale ouro!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 HM2z64CFeliz Dia das Mães 2023 - Mandei um recadinho para mamãe!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 UK591Dia dos Namorados - Dediquei uma música para meu amor!
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 TR582Amigo a gente não procura, é o coração quem escolhe - Dia do Amigo 2023
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 UK801Eu festejei como nunca! - Festa Junina 2023
Qui maio 25, 2023 9:43 pm
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 F2b81be6cff4ceb6448157b28feec028
Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça
Análise do Corregedor -Kevinho1Habbo-

Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 5UTY4SH
ANÁLISE

↬ a) Desinformação sobre as promoções da companhia: O processo de sindicância se inicia com uma acusação da líder da Companhia da Escola de Formação de Executivos na aplicação da punição pela falta de notificação aos promovidos. A líder realmente estava ciente do ocorrido e confirma ter esquecido de realizar a postagem:

2. Com relação ao fato de que não puni a militar Br pelo não envio da Mensagem Privada, já que era/é Líder do DC, não há o que se discordar. Como demonstrado, informei que iria analisar e punir, porém, pelas demais atribuições que possuo, acabei esquecendo dessa providência.

↬ b) Desatualização de tópicos referentes à companhia: Não existem provas anexadas sobre a listagem na consulta de eficiência, embora seja curioso que a ré tenha se empenhado na defesa. A agenda de atividade, entretanto, deveria ser atualizada com a virada do mês, mesmo sem data de atividades. Não fica claro quem é responsável por isso em nenhum documento da companhia, então a responsabilidade é da liderança.

↬ c) Desleixo em departamentos internos:
Departamento de Repressão a Infrações: A normativa de manter 50% da lotação da listagem do grupo interno é um tiro no pé. O líder do grupo não anexou nenhuma prova de sua declaração de suspensão temporária das vagas ou qualquer coisa neste sentido. Desta forma, considero que esteve somente em sua mente, o que caracteriza uma falha com a própria norma interna.

Departamento de Comunicação: A gestora foi completamente negligente com suas funções administrativas internas. A não atualização dos tópicos afeta diretamente o bom funcionamento de seu grupo. Solidarizo com a situação de instabilidade da companhia, entretanto, cabe ao gestor tomar ações para contornar e suprir as necessidades, sem perder o controle de tudo.

↬d) Negligência deliberada pela liderança:

Líder Vacita: Quanto à punição da líder do DC, já houve a confirmação da falha. Quanto ao caso do ministro JonSnow, que precisava de uma licença, este não pode ser considerado um caso a ser julgado, pelo simples fato de a própria líder ter resolvido internamente a situação da postagem e da permissão. Acentuo uma questão de atenção para com as necessidades de seus ministros, que provavelmente foi pontual durante a gestão da chanceler.
Em contrapartida, a gestora, mesmo alegando que atribui autonomia aos líderes dos grupos internos, deve fiscalizar os seus trabalhos. Como dito por elas, "se falharem, serão pelas próprias negligências", e ela deve intervir, seja no afastamento de um líder ou mudanças no organograma interno. Sendo assim, considero que não houve intervenção adequada para manter o pleno funcionamento das atividades internas.

Vice-Líder iam_jrvieira Quanto ao comportamento nas redes sociais, considero absurdo este órgão ter que julgar e condenar isso. Um gestor que não possui a postura de um verdadeiro líder, ainda mais por meios informais, só tem a perder. A tratativa aqui não deveria ser punitiva, nem oriunda deste órgão, mas sim intervencionista e de persuasão, pela sua própria gestora, líder da companhia. Afinal, a harmonia entre os membros é de interesse deles mesmos.
Quanto às planilhas e demais recursos, o militar deveria se dar ao trabalho de ser atencioso com seus membros enquanto estivesse ativo. Durante sua ausência, a líder possui uma subcompanhia de confiança com um setor direcionado para desenvolvimento tecnológico: o Departamento de Comunicação. Portanto, nenhum líder é totalmente dependente de uma pessoa por conta de uma ferramenta.

A sua fala condenando o ex-exonerado é vexatória e prejudicial para si mesmo.

Vice-Líder Br: Não encontrei provas acerca da insuficiência da vice-líder, além das negligências já citadas enquanto líder do DC.

Não existe nenhuma normativa que obriga a liderança a assumir as funções de ministérios ausentes. Portanto, julgar a falta do envio de uma MP é sem nexo.

↬ DA INSATISFAÇÃO DOS MEMBROS

A insatisfação dos membros é um critério extremamente subjetivo. O grupo de tarefas pode ter suas falhas e os gestores podem ser ausentes: é fato que as opiniões dos membros não atribuem peso real para o julgamento, a menos que tragam comprovações de consumação de crimes. Sendo assim, este item na acusação serve como indicador para melhorias à gestão.

↬ DA AUDITORIA

O relatório técnico apresentado reforça os pontos citados pela denúncia, como a má gestão de departamentos internos e afastamento da liderança. Estes pontos foram levantados a partir dos relatórios já existentes há alguns meses e, portanto, é um problema que vem se arrastando.
Outro ponto levantado é a quantidade de membros e, como citado, é EFE a companhia que mais sofre com as baixas habbianas e influência de policiais. Considero, entretanto, que o número de policiais do Corpo Executivo não diminuíram e a gestão deve providenciar uma forma de manter estes executivos fora do impacto da companhia, isto é, a concessão do direito de aplicação de aulas básicas e, como substituição, parcerias para realização de ações que pudessem contar para a meta dos membros.
A ré cita que o número de membros aumentou, entretanto, reforço que isso é proporcional, como citado no próprio relatório. Se existem menos vagas efetivas, a porcentagem de lotação é maior. O número bruto segue quase o mesmo e estes membros precisam dar conta da demanda dos executivos.

↬ CONSIDERAÇÕES

A líder considera seus vice-líderes aptos para o posto e concorda em prosseguir com eles. A Corregedoria não deve intervir neste aspecto, mantendo a autonomia total da gestora.
Entretanto, ao afirmar tal, assume total responsabilidade pelas negligências que eles cometerem ou falhas no perfil gestor, envolvendo quaisquer habilidades que seja (comunicação, administração de pessoas, gestão de tempo, delegação de atividades, etc.).
A gestora também deve ser responsável pelo bom funcionamento dos grupos internos, o que vem falhando há certo tempo.

Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 686494753
VEREDITO

Voto pelo deferimento parcial do caso.

A líder Vacita deve receber uma advertência escrita pelo crime Abandono de dever/Negligência, sob os incisos I e II, devido à sua falta de controle sobre os grupos internos e a falha na punição da militar Br.

A militar Br deve receber 50 medalhas negativas efetivas devido ao seu abandono de dever/negligência ao não notificar sobre as promoções da companhia.

A militar Br deve ser retirada do posto de líder do DC devido às negligências na administração do grupo e, sob este pretexto, deve receber advertência escrita pelo crime Abandono de dever/Negligência, sob o inciso I.



Atenciosamente,
- [RCC] Chanceler
- [PROF] Líder
- [AF] Diretor-Geral
- [SRP] Vice-Líder
- [DC] Gerente
- [COR] Corregedor
- [DIR] Presidente
- [GATE] Instrutor

Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 1zpnlo4

Carreiras anteriores:
Corregedoria
Corregedoria
Conta Oficial

RCCoins : 200
Mensagens : 1775
Emblemas : Caso Liderança da Escola de Formação de Executivos, solicitado por Procuradoria Militar de Justiça - Página 2 PT725Sou uma conta Administrativa da RCC
Sex maio 26, 2023 1:42 am
Caso encerrado!
Veredito: Deferimento parcial.

  • A militar Vacita receberá uma advertência escrita pelo crime de abandono de dever/negligência, inciso I;

  • A militar Br receberá 50 medalhas negativas efetivas devido ao seu abandono de dever/negligência ao não notificar sobre as promoções da companhia;

  • A militar Br será removida da liderança do Departamento de Comunicação da Escola de Formação de Executivos pelas diversas negligências perante ao subgrupo;

  • O militar iam_jrvieira receberá uma advertência verbal devido ao seu comportamento perante os membros subordinados da companhia. É importante destacar que a líder da companhia tem a responsabilidade de continuar supervisionando esse comportamento e, se necessário, aplicar as devidas punições.


Atenciosamente,

Corregedoria da RCC.
Conteúdo patrocinado
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos