Polícia RCC - Formando líderes para o futuro!
Redes Sociais:
Redes Sociais



Parceiro: Ofertas na Baixada
Visite o Quarto

Quarto: Praça Militar
Visite: Clique aqui
Destaque
Nick: Convidado.
Motivo: Por se dedicar a Polícia RCC diariamente, continue assim!
#AdolfResponde
Parceiros
Jornal Revolucionário  - Revolucionando seus pixels
Link-nos
Policia RCC - A Melhor Policia do Habbo Hotel



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 47 ... 90  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 4 de 90]

31 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 6:25 pm

Luuh:21

avatar
RCCStar


POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.



Atenciosamente, Coronel Luuh:21 [L21]

Min.INS |  Scmdt.AMAN
#ProbGeraçãoL21 #Turma3

Soldado [NwC] | Cabo [Kss] | Sargento [mtn] | Subtenente [DaE] | Aspirante a Oficial [JnC]
Tenente [SJK] | Capitão [SpE] | Coronel [COG]

32 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 6:39 pm

.:Dr.Utemberg:.

avatar
RCCStar

@Luuh:21 escreveu:
POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.



[RCC] General [DFF]
[TRE] Treinador nível II
[TRE] Promotor de Eventos
[OU] Cadete da Ordem Unida
[CRH2] Membro do Centro de Recursos Humanos 2
[AF] Auditor da Auditoria Fiscal
[ECE] Instrutor do Esquadrão do Corpo Executivo

33 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 7:12 pm

dralukloiro

avatar
Tagarela

@.:Dr.Utemberg:. escreveu:
@Luuh:21 escreveu:
POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.



Atenciosamente, dralukloiro ~ [DrK]





"A persistência é o caminho do êxito."

Ex. Capitão da Polícia Militar Revolução Contra o Crime
Ex. Conselheiro da Polícia Militar Revolução Contra o Crime
Ex. Avaliador dos Organizadores de Rondas

"Never knows Best"

34 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 8:10 pm

bfrancd236

avatar
Comunicativo

@Luuh:21 escreveu:
POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.



35 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 9:20 pm

Owen@-

avatar
Visitante

@bfrancd236 escreveu:
@Luuh:21 escreveu:
POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.

Excelentes palavras, senhora Luuh:21. Essas palavras conseguiu mostrar que pode sim ter e haver em nós potencial como em qualquer militar, tanto na vida real como virtual também, mostrando que não podemos desistir, mesmo que tenhamos dificuldades podemos conseguir superar elas cada dia em nossa vida. Devemos ter força de vontade e uma coisa temos que carregar junto com nós, algumas simples palavras: "Confie em você mesmo e coloque em sua mente que nada é impossível".

36 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 9:42 pm

Owen@-

avatar
Visitante

Boa noite, senhor(a) Convidado.

37 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 9:59 pm

ocroupie

avatar
Popular

Deixo aqui os meus mais sinceros agradecimentos a todos os que fizeram parte da minha carreira, direta ou indiretamente. O fim dela não foi ocasionado por algo ou por alguém, mas pela priorização da vida pessoal. Foram vários meses de aprendizado com vocês, espero que eu possa ter feito algo de bom pelos senhores, morre aqui meu legado.

Obrigado!


Att: Ex-General ocroupie.



Atenciosamente, General ocroupie [OCR]


Quando foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?

38 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 10:50 pm

MwSpace

avatar
Comunicativo

@wesleythadeu escreveu:
@c?matinhoc? escreveu:
#IMPÉRIO VERMELHO


39 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 10:50 pm

MwSpace

avatar
Comunicativo

@ocroupie escreveu:Deixo aqui os meus mais sinceros agradecimentos a todos os que fizeram parte da minha carreira, direta ou indiretamente. O fim dela não foi ocasionado por algo ou por alguém, mas pela priorização da vida pessoal. Foram vários meses de aprendizado com vocês, espero que eu possa ter feito algo de bom pelos senhores, morre aqui meu legado.

Obrigado!


Att: Ex-General ocroupie.

40 Re: Área de Relacionamento [Livro 47] em Seg Mar 19, 2018 10:51 pm

MwSpace

avatar
Comunicativo

@.:Dr.Utemberg:. escreveu:
@Luuh:21 escreveu:
POLÍCIA REVOLUÇÃO CONTRA O CRIME



CORPO DE OFICIAIS








REFLEXÃO COMPARATIVA - PRÉ-OFICIALATO

Não sou militar nem filha de militar, sequer conheço de perto um militar. Tenho talvez 1 ou 2 primos distantes. Recentemente, o meu irmão está na seletiva do CFO para o Barro Branco (PMSP). Fora isso, o meu contato com o militarismo se dá apenas através do habbo e a RCC.

Mas porque está nos contando isso, capitão Luuh:21?

Durante esta caminhada no ramo militar, pude conhecer militares de verdade, seja do exército, força aérea, polícia militar estadual. E alguns ensinamentos como hierarquia e disciplina foram aprendidos. Algumas vezes notamos, nas atividades da RCC, o recurso da pressão psicológica, como método formativo de caráter e conduta do militar habbiano.

Reflexão comparativa entre o habbo e a "real"

A pressão psicológica é (ao meu ver), submeter um indivíduo a uma situação extrema: stress e raiva, por exemplo, a fim de aferir a resistência e resiliência da pessoa. Perguntei ao meu irmão como foi o teste psicológico da Academia do Barro Branco, e o que mais me marcou, foi que umas das primeiras perguntas foi: O que fará caso reprove?

Mensagem ao pré-oficialato

O que fará se for cortado do CFO? O que fará se não for o melhor da turma? O que fará se, mesmo aprovado, não estiver preparado para o oficialato ainda, ou não for notado o suficiente para ser promovido? Os candidatos para o Barro Branco chegam a fazer, em média, mais que 2 tentativas. O meu irmão contou o caso de um colega do curso preparatório que está na quarta tentativa. Você quer ser mesmo um oficial? Está preparado para pagar o preço? Este é o seu sonho? Qual o seu máximo?

Assim como qualquer curso da PMRCC, existe a possibilidade de refazê-lo. Existe a possibilidade de revisar, abdicar do emblema de confirmação aprovado e fazer de novo. O CFO, sob a organização da AMAN buscou aflorar, em cada cadete, o que há de melhor nele. O curso, sob a organização do próprio CFO, deverá manter o ideal de excelência para a formação dos futuros oficiais.

Aspirante a Oficial, se ainda não chegou a sua vez, tente de novo, e de novo, e de novo, e de novo...

Não desista!






O momento reflexivo é de autoria da policial Luuh:21, oficial capitão e subcomandante AMAN, para todos aqueles que aspiram ser oficiais um dia.

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 4 de 90]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 47 ... 90  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum