Polícia RCC - Formando líderes para o futuro!
Redes Sociais:

A Diretoria do Corpo Executivo e toda a RCC gostaria de lhe parabenizar pelo excelente serviço em prol da Polícia RCC! Continue assim.

Redes Sociais



Parceiro: Ofertas na Baixada
Parceiros
Jornal Revolucionário  - Revolucionando seus pixels
Visite o Quarto

Quarto: Praça Militar
Visite: Clique aqui
Link-nos
Policia RCC - A Melhor Policia do Habbo Hotel



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 2]

BoyjonhFeliz

avatar
RCCStar

Nick do delator: Dra.Junior08
Nick do infrator: katiane13diva
Desenvolvimento do ocorrido: 
No dia 05 Mar 2018 ocorreu um caso da chanceler Katiane13diva, na qual o sargento Dra.Junior08 recorreu a nós a Diretoria. O caso veio de um Treinamento de Farda (TF) na qual o sargento fez a pergunta "Qual é a maior patente presente no corredor?" no caso, a maior patente seria subtenente, a chanceler contradiz o sargento afirmando que chanceler em si tem patente que no caso seria "Comandante-geral" após uma discussão. As print dadas pelo sargento Dra.Junior08 irá explicar mais o ocorrido.


Print do sargento: Clique aqui.


Defesa da chanceler: 
Boa tarde! 
Segue a baixo a DEFESA:


Bem, o caso em questão ocorreu no dia 05/03/18 pelo turno da noite no corredor principal. Asssim que entrei no habbo o OG que comandava o 3 Batalhão da PMRCC pediu-me para que fosse até o corredor verificar se as atividades por lá já estavam próximas ao fim, pois o numero de presentes no corredor já passava de 13/14 pessoas. Ao chegar no recinto, deparei-me com o sargento Dra.junior08 aplicando o treino de fardas, mantive-me ali próximo observando aguardando que o treino fosse concluído, ao lado do sargento havia um militar de cargo diretor orientando dois subalternos ao mesmo. Após uns 5 minutos no corredor observando vi que os alunos que estavam com o sargento diziam ‘Isso é brincadeira né?’ E riam, uns com os outros utilizando o ‘kkkk’ e o sargento dizia ‘Sim’ então concluir que o treino havia encerrado, já que estavam brincando. Neste momento, sussurrei com o diretor ao lado sobre o que acontecia e ele disse-me ‘Até agora a pouco era um treino de fardas, senhora’, continuei calada. Foi neste momento que o sargento disse ‘Qual maior patente presente neste recinto?’ E eles disseram ‘Chanceler’ que era a minha, no caso. E o sargento disse que não! Que era a de subtenente, e eles entre si começaram uma discussão sobre o tema, então eu realmente concluir que o TF havia encerrado. Então dei o comando sentido a eles e intervir equivocadamente dizendo que ‘Meu cargo é chanceler, mas a maior patente é a minha, de CoGer, se você não sabe, não instrua seus alunos de forma errônea, se informe, já que encerrou-se o TF há bastante tempo, dirijam-se ao batalhão’. Neste momento, todos dirijiam-se e o sargento continuou debatendo comigo sobre a questão, e eu de forma errônea disse a ele que eu tinha uma patente sim e foi neste momento que eu mandei que o mesmo esperasse no corredor que eu iria buscar alguém para instrui-lo, segui para o batalhão e ‘peguei’ o Tenente Ninja, mas antes de levá-lo ao corredor pedi uma segunda opinião sobre o caso, e ele concordou comigo dizendo que eu tinha patente sim, e que era de CoGer e que ele iria instruir o sargento e até aplicar o curso de CICE a ele. O Tenente foi até o corredor comigo, contudo, o sargento pediu autorização para que fosse resolver algo, ao retornar, ele pediu-me que eu verificasse a minha MP, eu disse a ele que eu iria verificar mas que ele ainda não estava dispensado, que aguardasse, o mesmo disse ‘Até, senhora’ e saiu do habbo. Ao verificar minha MP vi que era um print do senhor Dean.Santos afirmando que chanceler não tinha patente que era apenas cargo e mandando que o sargento priintasse e me mostrasse. Após isso eu liberei o tenente e fui até o senhor Dean.Santos que confirmou e me instruiu. 
Bom, eu, Chanceler katiane13Diva estou aberta a quaisquer tipo de investigação sobre o caso, não possuo provas (Prints) do ocorrido, não tirei em virtude de não achar necessário. Contudo, afirmo que não cometi abuso de poder, e sim, cometi erros por falta de conhecimento sobre a questão, ao invés de procurar uma segunda ou terceira opinião me privei apenas a minha e a do tenente, entretanto, todos estão sujeitos a falhas, essa foi a minha, tentei procurar ontem o sargento para me desculpar sobre minha afirmação errônea, porém, não o encontrei. Deixo aqui registrado que durante toda minha atuação na PMRCC não obtive nenhum antecedente desonroso, e afirmo novamente, estou aberta a quaisquer investigação.



Omenare

avatar
Administrador

Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.

Veredito:
Advertência formal.



Hedonism


Saiba mais sobre mim:

CLIQUE AQUI e leia mais sobre mim.

Lucas_WolfAnjo

avatar
Diretor

@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.



pxgatinxq-BAN

avatar
Diretor

@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.



"Líderes são como soldados, não questionam apenas obedecem"

FOGO.4157

avatar
G.A.T.E

@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.

Veredito:

Advertência escrita.



- Instrutor do Grupamento de Ações Táticas Especiais [xx]

-x-

- Ex Corregedor
- Ex Presidente da Mesa da Defensoria Pública
- Ex membro do Conselho do Corpo Executivo e da Diretoria
- Ex Chanceler (mérito)
- Ex Coronel
- Ex membro do Centro de Recursos Humanos
- Ex membro do Centro de Formação de Oficiais
- Ex Vice-Líder dos Instrutores
- Ex Ministro dos Supervisores
- Ex Ministro da Escola de Formação de Executivos
- Ex Auditor Fiscal

-x-

BoyjonhFeliz

avatar
RCCStar

@FOGO.4157 escreveu:
@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.

Veredito:

Advertência escrita.
Concordo com o diretor FOGO.4157 em seu veredito.



vascsjr.ban

avatar
G.A.T.E

@BoyjonhFeliz escreveu:
@FOGO.4157 escreveu:
@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.

Veredito:

Advertência escrita.
Concordo com o diretor FOGO.4157 em seu veredito.



Atenciosamente, Chanceler vascsjr.ban.


Meu histórico policial: CLIQUE AQUI.

Omenare

avatar
Administrador

Esclarecimento:

Advertência formal = Advertência escrita.



Hedonism


Saiba mais sobre mim:

CLIQUE AQUI e leia mais sobre mim.

ViniS8

avatar
Diretor

@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.

@isaacels

avatar
Corregedor

@vascsjr.ban escreveu:
@BoyjonhFeliz escreveu:
@FOGO.4157 escreveu:
@Omenare escreveu:Análise:

O caso apresenta-se quase que de forma cômica, pois evidencia-se muito mais uma falta de conhecimento da infratora do que algum crime grave. O maior erro da Chanceler foi colocar o policial em Sentido e dispensar os membros do TF, visto que pode ser interpretado como abuso de poder e a mesma ainda repassou uma informação equivocada sobre a questão das equivalências.
Como não foi a primeira reclamação que chegou até mim sobre excessos na conduta da Chanceler, chego a um veredito com uma punição administrativa adequada.
Veredito:
Advertência formal.

Veredito:

Advertência escrita.
Concordo com o diretor FOGO.4157 em seu veredito.



Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 2]

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum