Polícia RCC - Formando líderes para o futuro!
Redes Sociais:
Redes Sociais



Parceiro: Ofertas na Baixada
Link-nos
Policia RCC - A Melhor Policia do Habbo Hotel



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

cad.2

cad.2
RCCStar


Centro de Formação de Oficiais

Estudos disciplinares
Instruções de aplicação



Atenção professor, preste mais do que a costumeira atenção a todas as instruções que serão repassadas aqui, neste pequeno tutorial, e siga à risca todas elas, visando a segurança e um melhor aproveitamento do aspirante/supervisor+.

Você já sabe o que deverá fazer caso o aspirante solicite o conteúdo, então, ele será disponibilizado em code logo abaixo. A avaliação contém perguntas e respostas, e as respostas, ou seja, o conteúdo em vermelho, não poderá ser enviado ao aspirante/supervisor+, caso você desobedeça essa regra, será exonerado da Polícia Militar Revolução Contra o Crime por corrupção.


Código:
[center][img]https://www.habbo.com.br/habbo-imaging/badge/b25114s36044s400149a289d8521b800b572475d6752e685a0.gif[/img][/center]

[center][b][color=#00cc99][size=16]Centro de Formação de Oficiais[/size][/color][/b][/center]

[center][b][color=#006699]Estudos Disciplinares[/color][/b][/center]
[center][b][color=#006600]Apostila NS: ED-1402/01[/color][/b][/center]

[hr]
[color=#000000][center][b]Uma arte milenar[/b][/center]

Desde que o mundo é mundo, tomar decisões vem sendo algo muito presente na vida de cada indivíduo. A partir do momento em que o indivíduo cresce e ganha maturidade, ele percebe que suas ações afetam não só a si mesmo, mas também a outros. Sem falar que tomar decisões pode ser algo desafiador, pois elas tanto podem ser úteis para o bem, quanto para o mal. Mas, o que está envolvido em tomar decisões no âmbito militar? Como agir caso eu me depare com problemas? Você verá as respostas a essas perguntas e muitas outras durante a sua leitura ao conteúdo.

[center][b]Estudos disciplinares – Prudência[/b][/center]

Se você já estudou a matéria de ciências militares, saberá que o respeito é uma qualidade fundamental na carreira de todo e qualquer oficial. Se não estudou ainda, entenderá um pouco melhor esse quesito quando passar por essa matéria, mas só dando uma pincelada nesse assunto, o respeito significa: um sentimento de estima de uma pessoa pela outra, para uma entidade, além de admiração. Certo, mas daí você se pergunta: o que o respeito tem a ver com prudência? Para entender um pouco mais essa pergunta, você deve entender primeiramente o que vem a ser prudência.

[b]Prudência:[/b] No dicionário, a palavra prudência significa “característica ou particularidade da pessoa que se comporta de maneira a evitar perigos ou consequências ruins”. Um policial prudente mantém o respeito para com todos, bem como sabe se comportar mediante diversos tipos de situações, a fim de evitar problemas e conflitos com outros policiais.

Já que estamos entrando nesse assunto, vamos falar um pouco mais sobre um ponto que é fundamental para você, aspirante, como se comportar quando houver conflitos.

[b]Conflitos:[/b] Todos nós, quer sejamos oficiais ou praças, estamos sujeitos a algum tipo de conflito pelo menos uma vez na carreira, pois sempre haverá um subalterno rebelde que vai procurar lhe afrontar. Nesses casos, tenha sempre em mente uma coisa, você não deve nunca se rebaixar ao nível deste subalterno rebelde e ficar batendo boca desnecessariamente com o mesmo, em alguns casos, você terá total autonomia para punir o subalterno rebelde. Lembre-se que você é o espelho para os seus subalternos, portanto não brigue dentro da Polícia Militar Revolução Contra o Crime (PMRCC) e nem permita que outros policiais briguem, mas caso o conflito tome proporções incontroláveis naquela hora, leve os envolvidos para o corredor ou algum quarto particular. Se você seguir essas instruções, será um policial muito bem visto por todos, bem como contribuirá para a paz dentro da PMRCC.

[center][b]Estudos disciplinares – Disciplina e subalternos[/b][/center]

Você aprendeu no capítulo acima o que vem a ser prudência, e como você pode demonstrá-la na sua relação com seus subalternos quando se deparar com conflitos, agora aprenderá um pouco mais sobre a disciplina. A disciplina está ligada diretamente com a prudência, pois um policial prudente é um policial disciplinado. Você pode até mesmo saber, pela criação ou por observar a sociedade, o que significa disciplina, mas aqui vamos abordar mais a fundo, e vamos abortar também como você pode demonstrar a disciplina no âmbito militar.

[b]Disciplina:[/b] Você sabe o que envolve ser um policial disciplinado? Bem, envolve mais do que você possa imaginar. O estatuto dos militares, em seu artigo 14, conceitua a disciplina e a hierarquia como a base institucional das Forças Armadas. Ou seja, a disciplina é a base de toda e qualquer instituição militar, pois se uma instituição militar não tiver os seus membros disciplinados, você há de concordar comigo que seria um verdadeiro caos e uma ameaça à segurança daqueles a quem esses membros defendem.

Observe, ainda o que diz o parágrafo 2 do artigo 14 do estatuto dos militares: “§ 2º Disciplina é a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamentam o organismo militar e coordenam seu funcionamento regular e harmônico, traduzindo-se pelo perfeito cumprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo”. Resumindo tudo que foi abordado até agora, se não existisse a disciplina nos militares, a hierarquia não seria seguida, e tudo acabaria por se tornar uma verdadeira bagunça. Se um policial não é disciplinado, ele jamais entrará ao oficialato da PMRCC, pois a indisciplina não condiz com os elevados padrões de moral do oficialato da PMRCC.

A disciplina não deve ficar só no papel, ela deve fazer parte do dia-a-dia de todo e qualquer policial que aspira o oficialato, e você demonstra ser um policial disciplinado quando:

- Vê que seu subalterno ou seu superior está fazendo algo errado e respeitosamente o aconselha;
- Sem questionar, respeita a hierarquia por sempre obedecer às ordens de seus superiores;
- Dedica-se constantemente ao seu trabalho, tem ciência de suas responsabilidades, e nunca deixa de cumpri-las;
- Demonstra uma conduta impecável, acata as normas e as regras à risca, sem pensar duas vezes, dentre outros fatores.

[b]Subalternos:[/b] Você já deve ter ouvido falar em algum lugar nesta palavra “subalterno”, talvez já deve ter se perguntado: o que é subalterno? Para sua felicidade, vamos explicar detalhadamente o que vem a ser um subalterno. Subalterno é todo e qualquer policial que esteja abaixo de você na hierarquia militar, ou seja, seus subordinados hierárquicos.

Você deve ter sempre em mente que os subalternos estarão em processo de aprendizado e crescimento pessoal, portanto sempre cobre o máximo deles, e não faça apenas cobrar, ajude-os no que for preciso, pois eles poderão se tornar grandes policiais devido a ajuda que você ofereceu ao mesmo. Não encare seus subalternos como escravos, eles estão ali para receber ordens e instruções, mas não abuse, sempre tenha em mente o melhor para o seu subalterno na hora de proferir uma ordem ao mesmo. Não dê ordens impossíveis de serem cumpridas, mostre apreço pelo seu subalterno, e sabia que se você der alguma ordem que ele não irá conseguir cumprir, ele poderá vir a fazer o mesmo com um subordinado dele, e assim se tornar um ciclo vicioso.

Lembre-se que abuso de poder e desrespeito são passíveis de rebaixamento, portanto use de sabedoria ao lidar com seus subalternos, nunca exigindo nada além da capacidade deles, e sempre tendo em mente o bom desempenho do mesmo.

[center][b]Estudos disciplinares – Gestão de recursos humanos[/b][/center]

A partir do momento em que você sobe na hierarquia, quer seja em uma organização real ou virtual, você vai adquirindo certos poderes e responsabilidades dentro da mesma. Na PMRCC, quando você alcança a patente de subtenente, já adquire o poder de rebaixar, promover ou demitir policiais, e esse poder deve ser usado com muita responsabilidade, porém, vamos entender um pouco mais sobre esse quesito, e o que está envolvido em promover, rebaixar ou demitir um policial.

[b]Promoção:[/b] Como o próprio nome já diz a promoção é o ato de promover ou ser promovido, no caso, ser aumentado o seu status ou aumentar o status de outro policial, no caso da PMRCC, essa mudança de status se dá por meio de patentes.

[b]Promoção ao oficialato:[/b] Se você chegou até aqui, é porque fez por merecer, sempre trabalhando arduamente em todas as patentes as quais alcançou até aqui, e nós o parabenizamos pelo seu esforço. Contudo, costumamos dizer que um dos maiores desafios para um policial é adentrar ao oficialato, e não é para menos, pois para ser promovido ao oficialato se requer do policial um excelente padrão de desempenho e excelência absoluta em todos os aspectos dentro da PMRCC. Tenha em mente que presença no batalhão não é tudo na hora de uma promoção ao oficialato, está envolvido muito mais do que isso. Se você deseja adentrar ao oficialato, deve ter: boa conduta dentro e fora da PMRCC, uma excelente ortografia, pulso firme, exímio desempenho na companhia, presença no batalhão, deve ser prestativo para com os seus subalternos, lhes ensinando e doutrinando, dando-lhes todo o suporte necessário, quantas vezes eles necessitares, imparcialidade, amplo conhecimento sobre todos os documentos da PMRCC, rigidez, dentre outros aspectos. Muita coisa, não é? E não é tudo, um policial que quer entrar no oficialato deve ser realmente bom em tudo o que faz.

[b]Promoção a um subalterno:[/b] Antes de sair promovendo qualquer subalterno só para ter sua TAG estampada na listagem no setor administrativo, você deve seguir algumas orientações para mais tarde não se arrepender de seu feito. Antes de promover, você deve observar e fazer um acompanhamento de perto com o policial, também deve pedir opiniões de outros sobre o mesmo, e testa-lo em várias funções no batalhão, a fim de observar o seu desempenho em cada uma delas. Não tenha medo de cobrar o máximo de seus subalternos, você deve buscar sempre a excelência neles.

Uma promoção, independentemente de qual divisão seja, praças e, principalmente o oficialato, deve acontecer quando o policial estiver em um altíssimo nível de desempenho, e cumprir todos os requisitos necessários para a sua patente. Lembre-se que se um policial que demonstra excelência por promovido, ele demonstrará o seu exemplo aos seus subalternos, e no caso do oficialato, se um policial excelente for promovido ao oficialato, o oficialato sempre será excelente, e consequentemente, a PMRCC será excelente.
Rebaixamento: Todo policial que é promovido deixa uma patente para trás, e quando ele retorna a essa patente por motivos de indisciplina, chama-se rebaixamento. O rebaixamento é a diminuição do seu status como policial, no caso, o retrocesso a patente anterior. Todo e qualquer rebaixamento deve ser realizado de maneira consciente e sempre pensando no bem-estar do seu subalterno, tenha sempre em mente que ele poderá aprender com seus erros e se tornar um grande policial no futuro.

[b]Causas de um rebaixamento:[/b] Você aprendeu que para um policial ser promovido, deve haver motivos suficientes para o mesmo, da mesma forma se dá com o rebaixamento, deve haver motivos concretos e plausíveis para o mesmo. Lembre-se sempre de seguir o Código Penal Militar (CPM) quando for rebaixar um policial, além de ser imparcial para com todos, afinal a justiça não é só para alguns e outros não. O rebaixamento pode vir por meio da demonstração de diversas atitudes que vão contra os padrões e os regulamentos da PMRCC, são exemplos: desrespeito, abandono de dever, negligência, abuso de poder, dentre outros.

Não tenha medo de seguir o Código Penal Militar de forma justa e imparcial para com os policiais, eles irão aprender com seus erros e vão servir de exemplo para toda a PMRCC. Lembre-se que em tudo que você fizer, suas ações estarão sendo observadas, e ao escolher usar de nepotismo para com os seus amigos ou familiares dentro da PMRCC, não sendo justo para com todos, ao invés de rebaixar outros, você poderá ser rebaixado por isso. Com isso em mente, juízo na hora de rebaixar um policial.

[b]Demissão:[/b] A demissão é a ação de expulsar ou ser expulso de forma forçada de uma instituição, no nosso caso, da PMRCC. A demissão só é utilizada em casos de descumprimento grave de um dos documentos da PMRCC, vale ressaltar que todos os crimes administrativos são passíveis de baixa desonrosa, dependendo do caso e da gravidade.

Lembre-se sempre de usar os documentos da PMRCC e as orientações contidas aqui em suas ações, quer seja uma demissão, um rebaixamento ou uma promoção. Caso tiver dúvidas, não pense duas vezes em pedir a ajuda de um superior seu, ele com certeza irá lhe ajudar de bom grado.

Punições por crimes administrativos: Usando um pouco de física para explica essa parte, você deve saber que terceira lei de Sr. Isaac Newton diz que “toda ação requer uma reação”. Esteja ciente que suas ações dentro da PMRCC vão resultar em algum tipo de reação, quer seja positiva, quer seja negativa. Partindo desse conceito, existem atualmente quatro punições por crimes cometidos, são elas: advertência verbal, rebaixamento, demissão e exoneração.

As punições que foram citadas acima, são aplicadas caso o policial apresente algum tipo de conduta que não está de acordo com os valores ou as regras da PMRCC, ou desobedeça qualquer parte do Código Penal Militar. Veja, abaixo, um pequeno resumo sobre a advertência verbal e a exoneração, visto que o rebaixamento e demissão já foram abordados anteriormente. Para mais informações, consulte o anexo II do Código Penal Militar.

[b]Advertência verbal:[/b] A advertência verbal é a forma mais branda de repreensão, consiste em uma conversa entre superior e subordinado, onde deve ser exposto o erro, as causas, soluções e possíveis prevenções para que este não volte a acontecer. Essa punição não demanda registro, e pode ser feita por sussurro, no centro de instrução, no corredor ou até mesmo via console, por ser uma repreensão informal.
 
[b]Exoneração:[/b] A exoneração é o impedimento do infrator de retornar a PMRCC quer seja como policial do Corpo Executivo, quer seja como policial do Corpo Militar. Só estão autorizados a exonerar policiais do Serviço Secreto (P2), policiais da Corregedoria (COR) ou policiais do Grupamento de Ações Táticas Especiais (GATE), ou um policial com a permissão de um membro desses grupos/órgão.[/color]

Antes de começar o teste, tire todas as dúvidas do aspirante/supervisor+ em questão, converse com ele e seja atencioso, lembre-se de manter a paciência sempre.

O conteúdo em vermelho, abaixo desta linha, não poderá ser enviado ao aspirante/supervisor+, sendo passível de exoneração a desobediência dessa norma.



Avaliação - Estudos disciplinares

Olá, caro policial, vamos começar a nossa avaliação da matéria estudos disciplinares.
Antes de começarmos, você tem alguma dúvida que eu possa esclarecer? (Aguarde a resposta do aspirante/supervisor+)


Se o aspirante/supervisor+ tiver dúvidas, retire todas, se não, continue.

A partir de agora, iniciaremos nossa avaliação sobre a matéria estudos disciplinares.

As regras são simples e objetivas, preste atenção a cada uma delas:

1) O teste é composto por dez questões subjetivas;
2) Você terá até 15 segundos para começar a digitar após o envio da pergunta;
3) Caso complete 16 segundos e você não começar a digitar, a pergunta será anulada;
4) Você terá dois minutos para responder as questões, caso exceda o tempo, a pergunta será anulada;
5) Você terá direito a dois erros, caso exceda a quantidade, estará reprovado;
6) Deverá responder as perguntas em suas próprias palavras, sem cópia da apostila;
7) Você não poderá tirar dúvidas no momento em que começarmos.

Você está ciente das regras, e então, vamos começar a avaliação de estudos disciplinares?




Questionário NS: QS-0214/01 – Estudos disciplinares

1. O que é prudência e o que está envolvido em demonstra-la?

Resposta: A palavra prudência significa “característica ou particularidade da pessoa que se comporta de maneira a evitar perigos ou consequências ruins”. Um policial prudente mantém o respeito para com todos, bem como sabe se comportar mediante diversos tipos de situações, a fim de evitar problemas e conflitos com outros policiais.

2. Em suas palavras, explique o que é a disciplina.

Resposta base: Disciplina é a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamentam o organismo militar e coordenam seu funcionamento regular e harmônico, traduzindo-se pelo perfeito cumprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo.

3. O que aconteceria se uma instituição não tivesse policiais disciplinados?

Resposta: Se não existisse a disciplina nos militares, a hierarquia não seria seguida, e tudo acabaria por se tornar uma verdadeira bagunça.

4. Qual é um dos maiores desafios para um policial, e por quê?

Resposta: Um dos maiores desafios para um policial é adentrar ao oficialato, e não é para menos, pois para ser promovido ao oficialato se requer do policial um excelente padrão de desempenho e excelência absoluta em todos os aspectos dentro da PMRCC.

5. Você aprendeu que há quatro punições por crimes administrativos, quais são?

Resposta: Existem atualmente quatro punições por crimes cometidos, são elas: advertência verbal, rebaixamento, demissão e exoneração.

6. Cite cinco características que o aspirante deve ter caso deseje uma promoção ao oficialato.

Resposta: Se você deseja adentrar ao oficialato, deve ter: boa conduta dentro e fora da PMRCC, uma excelente ortografia, pulso firme, exímio desempenho na companhia, presença no batalhão, deve ser prestativo para com os seus subalternos, lhes ensinando e doutrinando, dando-lhes todo o suporte necessário, quantas vezes eles necessitares, imparcialidade, amplo conhecimento sobre todos os documentos da PMRCC, rigidez, dentre outros aspectos.

7. O que você deve fazer antes de promover um subalterno?

Resposta: Antes de promover, você deve observar e fazer um acompanhamento de perto com o policial, também deve pedir opiniões de outros sobre o mesmo, e testa-lo em várias funções no batalhão, a fim de observar o seu desempenho em cada uma delas.

8. O que é rebaixamento, e como ele deve ser realizado?

Resposta: O rebaixamento é a diminuição do seu status como policial, no caso, o retrocesso a patente anterior. Todo e qualquer rebaixamento deve ser realizado de maneira consciente e sempre pensando no bem-estar do seu subalterno, tenha sempre em mente que ele poderá aprender com seus erros e se tornar um grande policial no futuro.

9. Cite algumas atitudes que podem provocar um rebaixamento.

Resposta: O rebaixamento pode vir por meio da demonstração de diversas atitudes que vão contra os padrões e os regulamentos da PMRCC, são exemplos: desrespeito, abandono de dever, negligência, abuso de poder, dentre outros.

10. Explique, em suas próprias palavras, o que é promoção.

Resposta base: Como o próprio nome já diz a promoção é o ato de promover ou ser promovido, no caso, ser aumentado o seu status ou aumentar o status de outro policial, no caso da PMRCC, essa mudança de status se dá por meio de patentes.

LINK DE POSTAGEM DO RELATÓRIO: CLIQUE AQUI!




Instrutor do Grupamento de Ações Táticas Especiais.
Treinador nível dois.

"Companheirismo e Excelência."


Atenciosamente,

cad.2

cad.2
RCCStar

O conteúdo, na íntegra, que você enviará ao aspirante, basta copiar o que foi disponibilizado em code acima.


Centro de Formação de Oficiais

Estudos Disciplinares
Apostila NS: ED-1402/01



Uma arte milenar

Desde que o mundo é mundo, tomar decisões vem sendo algo muito presente na vida de cada indivíduo. A partir do momento em que o indivíduo cresce e ganha maturidade, ele percebe que suas ações afetam não só a si mesmo, mas também a outros. Sem falar que tomar decisões pode ser algo desafiador, pois elas tanto podem ser úteis para o bem, quanto para o mal. Mas, o que está envolvido em tomar decisões no âmbito militar? Como agir caso eu me depare com problemas? Você verá as respostas a essas perguntas e muitas outras durante a sua leitura ao conteúdo.

Estudos disciplinares – Prudência

Se você já estudou a matéria de ciências militares, saberá que o respeito é uma qualidade fundamental na carreira de todo e qualquer oficial. Se não estudou ainda, entenderá um pouco melhor esse quesito quando passar por essa matéria, mas só dando uma pincelada nesse assunto, o respeito significa: um sentimento de estima de uma pessoa pela outra, para uma entidade, além de admiração. Certo, mas daí você se pergunta: o que o respeito tem a ver com prudência? Para entender um pouco mais essa pergunta, você deve entender primeiramente o que vem a ser prudência.

Prudência: No dicionário, a palavra prudência significa “característica ou particularidade da pessoa que se comporta de maneira a evitar perigos ou consequências ruins”. Um policial prudente mantém o respeito para com todos, bem como sabe se comportar mediante diversos tipos de situações, a fim de evitar problemas e conflitos com outros policiais.

Já que estamos entrando nesse assunto, vamos falar um pouco mais sobre um ponto que é fundamental para você, aspirante, como se comportar quando houver conflitos.

Conflitos: Todos nós, quer sejamos oficiais ou praças, estamos sujeitos a algum tipo de conflito pelo menos uma vez na carreira, pois sempre haverá um subalterno rebelde que vai procurar lhe afrontar. Nesses casos, tenha sempre em mente uma coisa, você não deve nunca se rebaixar ao nível deste subalterno rebelde e ficar batendo boca desnecessariamente com o mesmo, em alguns casos, você terá total autonomia para punir o subalterno rebelde. Lembre-se que você é o espelho para os seus subalternos, portanto não brigue dentro da Polícia Militar Revolução Contra o Crime (PMRCC) e nem permita que outros policiais briguem, mas caso o conflito tome proporções incontroláveis naquela hora, leve os envolvidos para o corredor ou algum quarto particular. Se você seguir essas instruções, será um policial muito bem visto por todos, bem como contribuirá para a paz dentro da PMRCC.

Estudos disciplinares – Disciplina e subalternos

Você aprendeu no capítulo acima o que vem a ser prudência, e como você pode demonstrá-la na sua relação com seus subalternos quando se deparar com conflitos, agora aprenderá um pouco mais sobre a disciplina. A disciplina está ligada diretamente com a prudência, pois um policial prudente é um policial disciplinado. Você pode até mesmo saber, pela criação ou por observar a sociedade, o que significa disciplina, mas aqui vamos abordar mais a fundo, e vamos abortar também como você pode demonstrar a disciplina no âmbito militar.

Disciplina: Você sabe o que envolve ser um policial disciplinado? Bem, envolve mais do que você possa imaginar. O estatuto dos militares, em seu artigo 14, conceitua a disciplina e a hierarquia como a base institucional das Forças Armadas. Ou seja, a disciplina é a base de toda e qualquer instituição militar, pois se uma instituição militar não tiver os seus membros disciplinados, você há de concordar comigo que seria um verdadeiro caos e uma ameaça à segurança daqueles a quem esses membros defendem.

Observe, ainda o que diz o parágrafo 2 do artigo 14 do estatuto dos militares: “§ 2º Disciplina é a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamentam o organismo militar e coordenam seu funcionamento regular e harmônico, traduzindo-se pelo perfeito cumprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo”. Resumindo tudo que foi abordado até agora, se não existisse a disciplina nos militares, a hierarquia não seria seguida, e tudo acabaria por se tornar uma verdadeira bagunça. Se um policial não é disciplinado, ele jamais entrará ao oficialato da PMRCC, pois a indisciplina não condiz com os elevados padrões de moral do oficialato da PMRCC.

A disciplina não deve ficar só no papel, ela deve fazer parte do dia-a-dia de todo e qualquer policial que aspira o oficialato, e você demonstra ser um policial disciplinado quando:

- Vê que seu subalterno ou seu superior está fazendo algo errado e respeitosamente o aconselha;
- Sem questionar, respeita a hierarquia por sempre obedecer às ordens de seus superiores;
- Dedica-se constantemente ao seu trabalho, tem ciência de suas responsabilidades, e nunca deixa de cumpri-las;
- Demonstra uma conduta impecável, acata as normas e as regras à risca, sem pensar duas vezes, dentre outros fatores.

Subalternos: Você já deve ter ouvido falar em algum lugar nesta palavra “subalterno”, talvez já deve ter se perguntado: o que é subalterno? Para sua felicidade, vamos explicar detalhadamente o que vem a ser um subalterno. Subalterno é todo e qualquer policial que esteja abaixo de você na hierarquia militar, ou seja, seus subordinados hierárquicos.

Você deve ter sempre em mente que os subalternos estarão em processo de aprendizado e crescimento pessoal, portanto sempre cobre o máximo deles, e não faça apenas cobrar, ajude-os no que for preciso, pois eles poderão se tornar grandes policiais devido a ajuda que você ofereceu ao mesmo. Não encare seus subalternos como escravos, eles estão ali para receber ordens e instruções, mas não abuse, sempre tenha em mente o melhor para o seu subalterno na hora de proferir uma ordem ao mesmo. Não dê ordens impossíveis de serem cumpridas, mostre apreço pelo seu subalterno, e sabia que se você der alguma ordem que ele não irá conseguir cumprir, ele poderá vir a fazer o mesmo com um subordinado dele, e assim se tornar um ciclo vicioso.

Lembre-se que abuso de poder e desrespeito são passíveis de rebaixamento, portanto use de sabedoria ao lidar com seus subalternos, nunca exigindo nada além da capacidade deles, e sempre tendo em mente o bom desempenho do mesmo.

Estudos disciplinares – Gestão de recursos humanos

A partir do momento em que você sobe na hierarquia, quer seja em uma organização real ou virtual, você vai adquirindo certos poderes e responsabilidades dentro da mesma. Na PMRCC, quando você alcança a patente de subtenente, já adquire o poder de rebaixar, promover ou demitir policiais, e esse poder deve ser usado com muita responsabilidade, porém, vamos entender um pouco mais sobre esse quesito, e o que está envolvido em promover, rebaixar ou demitir um policial.

Promoção: Como o próprio nome já diz a promoção é o ato de promover ou ser promovido, no caso, ser aumentado o seu status ou aumentar o status de outro policial, no caso da PMRCC, essa mudança de status se dá por meio de patentes.

Promoção ao oficialato: Se você chegou até aqui, é porque fez por merecer, sempre trabalhando arduamente em todas as patentes as quais alcançou até aqui, e nós o parabenizamos pelo seu esforço. Contudo, costumamos dizer que um dos maiores desafios para um policial é adentrar ao oficialato, e não é para menos, pois para ser promovido ao oficialato se requer do policial um excelente padrão de desempenho e excelência absoluta em todos os aspectos dentro da PMRCC. Tenha em mente que presença no batalhão não é tudo na hora de uma promoção ao oficialato, está envolvido muito mais do que isso. Se você deseja adentrar ao oficialato, deve ter: boa conduta dentro e fora da PMRCC, uma excelente ortografia, pulso firme, exímio desempenho na companhia, presença no batalhão, deve ser prestativo para com os seus subalternos, lhes ensinando e doutrinando, dando-lhes todo o suporte necessário, quantas vezes eles necessitares, imparcialidade, amplo conhecimento sobre todos os documentos da PMRCC, rigidez, dentre outros aspectos. Muita coisa, não é? E não é tudo, um policial que quer entrar no oficialato deve ser realmente bom em tudo o que faz.

Promoção a um subalterno: Antes de sair promovendo qualquer subalterno só para ter sua TAG estampada na listagem no setor administrativo, você deve seguir algumas orientações para mais tarde não se arrepender de seu feito. Antes de promover, você deve observar e fazer um acompanhamento de perto com o policial, também deve pedir opiniões de outros sobre o mesmo, e testa-lo em várias funções no batalhão, a fim de observar o seu desempenho em cada uma delas. Não tenha medo de cobrar o máximo de seus subalternos, você deve buscar sempre a excelência neles.

Uma promoção, independentemente de qual divisão seja, praças e, principalmente o oficialato, deve acontecer quando o policial estiver em um altíssimo nível de desempenho, e cumprir todos os requisitos necessários para a sua patente. Lembre-se que se um policial que demonstra excelência por promovido, ele demonstrará o seu exemplo aos seus subalternos, e no caso do oficialato, se um policial excelente for promovido ao oficialato, o oficialato sempre será excelente, e consequentemente, a PMRCC será excelente.
Rebaixamento: Todo policial que é promovido deixa uma patente para trás, e quando ele retorna a essa patente por motivos de indisciplina, chama-se rebaixamento. O rebaixamento é a diminuição do seu status como policial, no caso, o retrocesso a patente anterior. Todo e qualquer rebaixamento deve ser realizado de maneira consciente e sempre pensando no bem-estar do seu subalterno, tenha sempre em mente que ele poderá aprender com seus erros e se tornar um grande policial no futuro.

Causas de um rebaixamento: Você aprendeu que para um policial ser promovido, deve haver motivos suficientes para o mesmo, da mesma forma se dá com o rebaixamento, deve haver motivos concretos e plausíveis para o mesmo. Lembre-se sempre de seguir o Código Penal Militar (CPM) quando for rebaixar um policial, além de ser imparcial para com todos, afinal a justiça não é só para alguns e outros não. O rebaixamento pode vir por meio da demonstração de diversas atitudes que vão contra os padrões e os regulamentos da PMRCC, são exemplos: desrespeito, abandono de dever, negligência, abuso de poder, dentre outros.

Não tenha medo de seguir o Código Penal Militar de forma justa e imparcial para com os policiais, eles irão aprender com seus erros e vão servir de exemplo para toda a PMRCC. Lembre-se que em tudo que você fizer, suas ações estarão sendo observadas, e ao escolher usar de nepotismo para com os seus amigos ou familiares dentro da PMRCC, não sendo justo para com todos, ao invés de rebaixar outros, você poderá ser rebaixado por isso. Com isso em mente, juízo na hora de rebaixar um policial.

Demissão: A demissão é a ação de expulsar ou ser expulso de forma forçada de uma instituição, no nosso caso, da PMRCC. A demissão só é utilizada em casos de descumprimento grave de um dos documentos da PMRCC, vale ressaltar que todos os crimes administrativos são passíveis de baixa desonrosa, dependendo do caso e da gravidade.

Lembre-se sempre de usar os documentos da PMRCC e as orientações contidas aqui em suas ações, quer seja uma demissão, um rebaixamento ou uma promoção. Caso tiver dúvidas, não pense duas vezes em pedir a ajuda de um superior seu, ele com certeza irá lhe ajudar de bom grado.

Punições por crimes administrativos: Usando um pouco de física para explica essa parte, você deve saber que terceira lei de Sr. Isaac Newton diz que “toda ação requer uma reação”. Esteja ciente que suas ações dentro da PMRCC vão resultar em algum tipo de reação, quer seja positiva, quer seja negativa. Partindo desse conceito, existem atualmente quatro punições por crimes cometidos, são elas: advertência verbal, rebaixamento, demissão e exoneração.

As punições que foram citadas acima, são aplicadas caso o policial apresente algum tipo de conduta que não está de acordo com os valores ou as regras da PMRCC, ou desobedeça qualquer parte do Código Penal Militar. Veja, abaixo, um pequeno resumo sobre a advertência verbal e a exoneração, visto que o rebaixamento e demissão já foram abordados anteriormente. Para mais informações, consulte o anexo II do Código Penal Militar.

Advertência verbal: A advertência verbal é a forma mais branda de repreensão, consiste em uma conversa entre superior e subordinado, onde deve ser exposto o erro, as causas, soluções e possíveis prevenções para que este não volte a acontecer. Essa punição não demanda registro, e pode ser feita por sussurro, no centro de instrução, no corredor ou até mesmo via console, por ser uma repreensão informal.

Exoneração: A exoneração é o impedimento do infrator de retornar a PMRCC quer seja como policial do Corpo Executivo, quer seja como policial do Corpo Militar. Só estão autorizados a exonerar policiais do Serviço Secreto (P2), policiais da Corregedoria (COR) ou policiais do Grupamento de Ações Táticas Especiais (GATE), ou um policial com a permissão de um membro desses grupos/órgão.




Instrutor do Grupamento de Ações Táticas Especiais.
Treinador nível dois.

"Companheirismo e Excelência."


Atenciosamente,

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum